top of page

A Primeira DO do Brasil à caminho 👏🏻👏🏻👏🏻

Falta pouco para o Brasil ter sua primeira área exclusivamente dedicada à produção de espumantes protegida por regras do certificado conhecido como Denominação de Origem (DO). É que até o fim do ano, a região de Pinto Bandeira, no Rio Grande do Sul, deverá ter reconhecido um atestado que carrega uma série de obrigações e restrições para seus produtos atingirem um nível superior de qualidade. Um feito e tanto no universo da gastronomia, além de um aceno para o restante do mundo sob o ponto de vista cultural, a ponto de impulsionar os negócios e alavancar o setor no Brasil. O Caderno de Especificações Técnicas já está concluído. Neste ano, será feita a entrega da documentação ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), órgão responsável pela análise e registro de Indicações Geográficas no Brasil. A expectativa é que o reconhecimento ocorra em 2020. Hoje, os espumantes brasileiros enchem de orgulho os apreciadores da bebida dentro e fora do Brasil. Prova disso é o número recorde de rótulos reconhecidos e premiados em concursos de prestígio. De acordo com o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), foram mais de 1,5 mil condecorações só na última década. Das 2.331 medalhas internacionais obtidas entre 2009 e 2018, 1.535 foram para os espumantes. A Associação Brasileira de Enologia (ABE) coordena todo trabalho de envio das amostras desde 1995. O Brasil é o 13º maior produtor de vinhos do mundo e o quinto do Hemisfério Sul, sendo 90% da produção concentrados no Rio Grande do Sul. Esta conquista tem ajudado a ampliar a presença dos rótulos no Reino Unido, que é o segundo principal importador do vinho brasileiro com um consumo per capita de 23,8 litros/ano. Vinhos bem pontuados ou medalhados atraem os consumidores brasileiros. De acordo com análise de desempenho divulgada pelo Ibravin em parceria com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), dos mais de 207 milhões de habitantes do Brasil, 66 milhões beberam vinhos nos últimos seis meses e 32 milhões de pessoas nos últimos 30 dias. Resumo a partir de matéria do O Globo em 29/07/2019 por Bruno Calixto e Luciana Fróes. #boastaças 🍷🥂 Leia matéria completa em https://oglobo.globo.com/gastronomia/cada-vez-mais-reconhecido-em-premiacoes-internacionais-vinho-brasileiro-cresce-aparece-nao-sao-apenas-os-espumantes-23835968?utm_source=aplicativoOGlobo&utm_medium=aplicativo&utm_campaign=compartilhar


4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page