top of page

Notícias em Torno dasTaças 📄 - Biodinâmicos, Orgânicos e Veganos, quais diferenças?

Atualizado: 19 de abr. de 2020


Um tema que gera muita confusão é este, mas antes de falarmos sobre estes tipos de vinhos, vamos fechar o tópico anterior sobre o que se faz com as gemas que sobram das claras usadas nos processos de clarificação. Pois bem, a quantidade de gemas levou a população das regiões produtoras de vinhos a produzir doces com as gemas; é só lembramos dos famosos doces de Portugal, Bordeaux e muitos outros países. Bom, voltando ao tema principal vamos começar falando dos vinhos orgânicos, aqueles nos quais a produção das uvas excluem o uso de quaisquer agrotóxicos, sendo usados recursos da natureza para controlar a vida saudável dos vinhedos. Muito comum para isto o uso de ovelhas, galinhas e patos para matar as pragas bem como gerar compostos orgânicos para a fertilização. Obviamente estes são vinhos mais caros, mas da mesma qualidade de qualquer vinho no qual a saúde das suas uvas e seu processo de fabricação usem produtos industriais. Já os vinhos biodinâmicos seguem o conceito do Rudolf Steiner (1861-1925), filósofo, educador, fundador da antroposofia, pedagogia Waldorf, agricultura biodinâmica, medicina antroposófica e da euritmia. Por seu conceito a natureza se ajuda: rosas plantadas entre as videiras controlam as pragas, chás naturais mineralizam os solos, os vinhos são engarrafados seguindo os ciclos das luas, etc. Também mais caro, estes vinhos segundo os sommeliers são mais intensos, saudáveis, claro, e mais saborosos. Já os vinhos veganos são os que não usam nenhum componente de origem animal em seu processo desde os vinhedos. No processo de clarificação são usados placas de fibras vegetais, sílica, carbono, entre outros componentes minerais e não o que comentamos em nossa publicação anterior “Ovo e Leite no Vinho? E outras coisas também”. Lá falamos que os contra-rótulos trazem informações sobre agentes alergênicos, mas para saber se um vinho é vegano, procure informações como “não filtrado”, “auto clarificado naturalmente”, “não afinado”, mas na dúvida compre vinhos e espumantes Kosher. Todo o conteúdo do #boastaças 🍷🥂 em www.boastacas.com.br Um tema que gera muita confusão é este, mas antes de falarmos sobre estes tipos de vinhos, vamos fechar o tópico anterior sobre o que se faz com as gemas que sobram das claras usadas nos processos de clarificação. Pois bem, a quantidade de gemas levou a população das regiões produtoras de vinhos a produzir doces com as gemas; é só lembramos dos famosos doces de Portugal, Bordeaux e muitos outros países. Bom, voltando ao tema principal vamos começar falando dos vinhos orgânicos, aqueles nos quais a produção das uvas excluem o uso de quaisquer agrotóxicos, sendo usados recursos da natureza para controlar a vida saudável dos vinhedos. Muito comum para isto o uso de ovelhas, galinhas e patos para matar as pragas bem como gerar compostos orgânicos para a fertilização. Obviamente estes são vinhos mais caros, mas da mesma qualidade de qualquer vinho no qual a saúde das suas uvas e seu processo de fabricação usem produtos industriais. Já os vinhos biodinâmicos seguem o conceito do Rudolf Steiner (1861-1925), filósofo, educador, fundador da antroposofia, pedagogia Waldorf, agricultura biodinâmica, medicina antroposófica e da euritmia. Por seu conceito a natureza se ajuda: rosas plantadas entre as videiras controlam as pragas, chás naturais mineralizam os solos, os vinhos são engarrafados seguindo os ciclos das luas, etc. Também mais caro, estes vinhos segundo os sommeliers são mais intensos, saudáveis, claro, e mais saborosos. Já os vinhos veganos são os que não usam nenhum componente de origem animal em seu processo desde os vinhedos. No processo de clarificação são usados placas de fibras vegetais, sílica, carbono, entre outros componentes minerais e não o que comentamos em nossa publicação anterior “Ovo e Leite no Vinho? E outras coisas também”. Lá falamos que os contra-rótulos trazem informações sobre agentes alergênicos, mas para saber se um vinho é vegano, procure informações como “não filtrado”, “auto clarificado naturalmente”, “não afinado”, mas na dúvida compre vinhos e espumantes Kosher. Todo o conteúdo do #boastaças 🍷🥂 em www.boastacas.com.br

12 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page